“Pássaros Feridos”

Colleen McCullough, escritora australiana, é simplesmente brilhante durante as 545 páginas do seu romance “Pássaros Feridos”. Detalhista e meticulosa, a escritora relata com paixão a trajetória de uma família de origem irlandesa, residente na Nova Zelândia, que migra para a Austrália e adota o país dos cangurus como seu. História de um povo, de um país, de uma família e de uma heroína – Meggie Cleary – entre outros personagens marcantes, como Paddy, Fee, Cardeal de Bricassart, Justine, Dane. E tantos outros. Um amor proibido, um filho roubado, a Igreja Católica, a aridez do solo e a inclemência do clima e da natureza australianas ganham vida e intensidade à medida que as páginas se sucedem, os anos se passam na Fazenda Drogheda e cada um dos seus ocupantes cresce, amadurece e envelhece. A saga desta família só não é perfeita porque a vida não é perfeita e a escritora é fiel em sua forma de relatar romance e realidade.

O livro é recomendadíssimo.

2 comentários sobre ““Pássaros Feridos”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s