“O filho eterno” e “Trapo”

Um 2 em 1. Um vira-vira de bolso da Bestbolso. Dois textos premiados de Cristóvão Tezza. Catarina naturalizado curitibano, o autor foi uma enorme surpresa literária, indicado pela profe Noemi Jaffe. Enquanto “Trapo” é uma leitura cheia de recursos e inovações literárias, “O filho eterno” é um texto comovente. Cru, sem demagogia, perverso em alguns trechos, Cristóvão retrata o que se passa na mais encravada intimidade de um pai ao deparar-se com a trissomia do cromossomo 21 do seu primeiro filho: a decepção, a vergonha, o medo, o inacreditável. O não-filho. O processo de aceitação, apego e amor que o pai se impõe para dar um lugar a este filho. Um texto digno pela sinceridade, coragem e profundidade de sentimentos. Viajando pelo tempo caleidoscópico, o autor utiliza a narrativa em terceira pessoa, para falar de ficção e de realidade. O texto é curto, porém contundente e impactante.

Um comentário sobre ““O filho eterno” e “Trapo”

  1. Santana Filho

    Suzete, em função de seu comentário comprei o mesmo vira-vira do Cristóvão Tezza. Gostei muito do Filho Eterno (cuja leitura concluí), mas parece que estou ainda mais envolvido com Trapo, onde ando pelo meio.

    Muito bom conhecer este autor. Obrigado pela dica.

    Feliz 2012 (cheio de belas palavras, ok?)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s