Carmen

Parece que estou ouvindo as palavras do Dr. Renato: “Nada de bebida alcoólica, nada de bebida com gás, nada de doces. Absolutamente nada. O que você pode comer está nesta lista. E faça pelo menos uma hora de exercício por dia. Se puder fazer mais, melhor. Nos vemos em um mês.” A lista que ele me deu é no mínimo uma sentença de morte por inanição. Ninguém consegue sobreviver comendo tão pouco e ainda se exercitar. Pelo menos ele receitou um remedinho pra segurar a minha fome. Senão eu já tinha morrido, ou, mandado o doutor e a dieta pro espaço.

Mas desta vez, eu vou conseguir. Preciso entrar naquele vestido de qualquer jeito, ou não me chamo Carmen. Prometi usá-lo nas minhas Bodas de Prata, e eu não vou fazer feio nas fotos. Preciso perder os dez quilos que me transformaram numa baranga baleia horrorosa. Isso mesmo. Uma baleia. Eu vou, eu preciso conseguir. Não existe outra alternativa: ou emagreço, ou emagreço.

O duro é aguentar minha TPM esculhambada, o Marquinho que está sempre viajando e reclamando, minha filha que não se contenta com nada e quer sempre mais, mais e mais. Até parece que dinheiro é capim. E eu, aqui, em frente ao freezer, encarando o pote de sorvete. Literalmente hipnotizada pela caixinha branca com tampa vermelha. Um Napolitano intocado. Quem comprou este pecado em forma de delícia? Já abri e fechei a porta do freezer não sei quantas vezes, mas é como se tivesse um ímã me puxando. Aí, lembro das palavras do Dr. Renato, do vestido, das Bodas. E agora, este sorvete. Meu Deus, eu amo, sou louca por sorvete! E depois, o Dr. Renato disse que dieta era de segunda à segunda. Nas minhas recaídas, eu faria o fim de semana. Tem quantos dias que estou sem comer nada de doce? Quatro ou cinco dias? Uma bola. Duas. No máximo. Que mal pode fazer?

Me sinto outra. Zero bala. Ainda posso sentir o doce gelado achocolatado mesclado com baunilha e morango, acariciando minha boca e me afagando inteira, por dentro e por fora. O mundo que se dane. Dr. Renato que se dane. Tudo que se dane, o Marquinho, as Bodas … E quer saber, baleias são seres muito interessantes. Amo as baleias. “Save de whales”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s