Cama

Cama,

Um palco, um cenário.

Corpos,

Ardentes e galopantes.

Tensos e tesos

Como diria Roberto Carlos:

O côncavo e o convexo.

Dançando pelas paredes

Respirando o infinito

O pico alto e eterno

O Everest dos amantes.

Cama,

Cenário paradisíaco,

Brisa suave, sofreguidão

Corpos,

Desfalecidos e agradecidos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s