Desistir também é decidir

 decidi sair de casa hoje à tarde.

vou ao cinema,

depois vou comprar porta-retratos.

talvez faça o contrário:

compras primeiro.

Cinema, depois.

“A Hospedeira” é ficção científica.

um livro que virou filme.

mas, voltando a sair de casa

e não sair do tema.

sair de casa virou uma decisão.

foi-se o tempo em que eu simplesmente

saía pra trabalhar, estudar,

levar e buscar as crianças,

fazer compras…

tantas coisas lá fora,

sempre à espera.

sem pensar, sem querer, sem refletir.

sair por obrigação e compromisso.

hoje saio quando e porque quero.

capricho – luxo, talvez –

quiçá preguiça de quem tem

liberdade pra decidir e escolher.

desistir também é decidir.

acho que vou ficar em casa

lendo, escrevendo, crochetando.

descansando. preguiçando.

amanhã, depois, outro dia ou nunca,

compro os porta-retratos e vejo “A Hospedeira”.

escolhas, desistências e decisões.

apenas isso.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s