“1000 xs

… me esparramar frente ao fogo crepitante da lareira, vestindo luvas e cachecol, meia-calça, segunda pele, gola alta e “cashmere”. Definitivamente, o verão não é minha praia. Nem os vestidos frescos, tops e shorts rasgados são a minha cara. Eles até são bonitos e tem seu charme, mas o suor grudento, o calor abrasador e escaldante das ruas, casas e praias tórridas de gente, sol e verão, acabam gelando qualquer iniciativa. Pra mim, o verão é uma ode à preguiça e à procrastinação. (Devia era ter nascido mais acima da linha do Equador). As exceções à regra – felizmente elas existem e salvam o cansativo verão do inferno – são os chapeus, os amigos-ratos-de-praia e os “sauvignon blancs”. Divinos nos dias ensolarados e noites enluaradas.”

jurerê com jacinta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s