Balelas

Depois de mais um piti do meu MAC (tive que apelar pra garantia e trocar de novo a placa mãe, a segunda vez em pouco tempo) o retorno `a escrita tá assim meio que empacada. Vários temas já desfilaram na passarela, mas nenhuma palavra ganhou o teclado ou o papel: minha paixão por pijamas velhos e detonados, algumas ideias alheias do livro “A terra inteira e o céu infinito” de Ruth Ozeki (maravilhoso e recomendadíssimo), minha eterna e interminável arrumação e organização domestica, meu retorno `a academia e dieta (arrrrrrggg), alguns mini insights … o prêmio de jardim ecológico que minha mãe recebeu em Colinas, algumas reflexões sobre o prazer da solidão e do silencio, os ratos no armário antigo que levei pra restaurar, enfim, assunto não falta, (sem contar nas questões politicas, econômicas, Lava Jato, corrupção, crise e fofocas). Até dei um “up” nos meus textos técnicos. E foi só. A sensação de bloqueio literário é pungente e abissal. Sinto-me alheia ao fazer e escrever. Pelo menos, tenho lido com certa regularidade e tento me convencer e aplacar minha ânsia justificando que estou melhorando meu vocabulário e memorizando as novas alterações gramaticais da língua portuguesa. A realidade é outra, e mistura um sem número de possibilidades: preguiça, esgotamento, cansaço, stress, medo…. e blablablabla …

Ok. Eu ia escrever sobre esta balela toda.

A verdade é que sempre existe desculpa pra qualquer coisa que a gente não consegue ou não quer fazer.

A verdade é que a gente deve eleger prioridades e fazer acontecer. Assim que deve ser.

Ok. Por onde eu recomeço?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s