Reformar ou reciclar

Mesmo sem consultar Aurérlio ou Becharra,

me aventuro a dizer que

um é um

– enquanto –

o outro é outro.

Talvez seja o som das palavras.

Talvez seja o uso

      – que faço –

das ditas palavras.

Reformar soa com fazer de novo de um jeito novo.

Reciclar soa com usar o mesmo de um jeito diferente.

Adoro reciclar. Odeio reformar.

Reciclar agita e expande a criatividade.

Reformar impõe força e determinação.

Persistência.

Sou portadora de ambas.

Vou reciclar o que me custa reformar.

Diverte mais. Cansa menos.

O imposto me oprime.

Deprime.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s