Fechando o Ciclo Literário de 2018

Depois de desandar em outubro, retomei o ritmo da leitura com as Cartas do Caminho Sagrado, foquei e voltei a ler. Os últimos 11 livros da lista fecham a lista de 2018. Não havia um número determinado de livros, nem livros distintos a serem lidos. Havia apenas o desejo de ler mais. Porque quanto mais lemos, melhor escrevemos. E esta sim, era uma meta: escrever mais. Foram mais de 100 posts escritos e publicados no blog durante o ano. Um aumento de mais 30% em relação a 2017.

Segue a lista completa do que li no ano. Quais livros indico? Todos. Os estilos são variados e vão desde poesia, biografia, romance, autoajuda, textos teóricos, histórias verídicas, literatura nacional e internacional.

  1. A Origem – Dan Brown
  2. A amiga Genial – Elena Ferrante
  3. História do novo sobrenome – Elena Ferrante
  4. História de quem foge e quem fica – Elena Ferrante
  5. História da Menina Perdida – Elena Ferrante
  6. Uma noite na Praia” – Elena Ferrante
  7. A filha perdida” – Elena Ferrante
  8. A mulher que roubou minha vida – Maryan Keyes
  9. Mentes Depressivas – Ana Beatriz Barbosa Silva
  10. Vou chamar a polícia – Irwin Yallon
  11. A química – Stephenie Meyer
  12. O amante japonês – Isabel Allende
  13. Roube como uma artista, 10 dicas sobre criatividade – Austin Kleon
  14. Faça boa Arte – Erros Fantásticos – Neil Gaiman
  15. Loucura – A busca de um pai no insano sistema de Saúde – Pete Earley
  16. A mágica da Arrumação – a arte japonesa de colocar ordem na sua casa e na sua vida – Marie Kondo
  17. Presente do mar – Anne Morrow Lindberg
  18. Minhas Vidas – Shirley MacLaine
  19. Dançando na luz- Shirley MacLaine (I)
  20. O Caminho – Uma jornada do espírito – Shirley MacLaine
  21. Floripa, sua linda – Maria Gabriela Cherem Luft
  22. Ansiedade 3 – Ciúme, o medo da perda acelera a perda – Augusto Cury
  23. Senhora Einstein – a história de amor por trás da Teoria da Relatividade – Marie Benedict
  24. Telegramas 140 X 180 mm – Lucão
  25. Lágrimas de Combate – Brigitte Bardot
  26. Hippie – Paulo Coelho
  27. Cuide dos pais, antes que seja tarde – Fabrício Carpinejar
  28. Um cartão, sentimentos cotidianos – Pedro
  29. A mulher na janela – A.J. Finn
  30. Prisioneiras – Dráuzio Varella
  31. Tempos Extremos – Miriam Leitão
  32. Karen – Ana Teresa Pereira
  33. Não me abandone jamais – Kazuo Ishiguro
  34. Correio para as mulheres – Clarice Lispector
  35. Refúgio no sábado – Miriam Leitão
  36. A longa e sombria hora do chá da alma – Douglas Adams
  37. Deixe a neve cair – John Green & Maureen Johnson & Lauren Myracle
  38. Morte e vida Severina – João Cabral de Melo Neto
  39. Emma – Jane Austen
  40. Histórias de cronópios e de famas – Julio Cortázar
  41. Outros jeitos de usar a boca – Rupi Kaur
  42. O que o sol faz com as flores – Rupi Kaur
  43. Objetos cortantes – Gillian Flynn
  44. Aprendizados – Minha caminhada para uma vida com mais significado – Gisele Bündchen
  45. Caixa de Pássaros – Não abra os olhos – Josh Malerman
  46. Minha história – Michelle Obama

Encerrei o ano com duas biografias. Um gênero literário ainda pouco explorado. Quanto aos livros inacabados, por ora, continuarão assim: Inacabados. O tempo deles ainda não chegou. Quando chegar a hora, sei onde encontrá-los: estão na pilha no criado mudo, ao lado da cama, que é onde mais gosto de ler. À pilha, juntaram-se outros. São livros que mal passaram do olhar e do desejar. Foram comprados na internet, de braçada, em promoção. O tempo deles – logo logo – chegará.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s