Um charme extra

Às vezes, basta uma pincelada displicente, um puxador moderninho ou um detalhe qualquer pra transformar aquele móvel sisudo, num móvel encantador.

Às vezes, o efeito tão desejado é obtido por acaso. Quando decidi pintar a penteadeira de azul, desisti de lixar o acabamento em verniz que já havia no móvel. Pensei que pintando três demãos de tinta iria dar conta do recado. Ledo engano. Ao passar um pano para limpar a peça, em vários pontos a tinta se soltou. Amei o resultado, e fiz do acaso, algo planejado. Dei o efeito desgastado exatamente nos lugares que queria. Hoje, passado mais de um ano, a tinta secou, e por mais que esfregue, ela não solta mais. Só lixando mesmo.  Às vezes, até cortar as pernas da mesa de jantar e transformá-la numa mesa de centro é suficiente para reaproveitá-la melhor (óbvio que guardei os pedaços das pernas, caso um dia precise dela para atender na copa ou na cozinha). Existem colas capazes de colar o céu e a terra (sei do que estou falando). Por precaução, até guardei pastilhas de vidro adequadas para dar o acabamento necessário, e ninguém jamais, perceberá que aquela mesa, um dia, teve suas pernas cortadas.

ma5O mundo da restauração é cheio de pequenas surpresas e grandes milagres. Pode confiar. E se você não encontrar alguém que faça para você, arregace as mangas e faça você mesmo. Você vai ver que é fácil. Trabalhoso. E muito gratificante.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s