Ato falho virtual

Depois de descobrir que posso agendar meus posts, minha vida de blogueira deu um salto. Era comum eu passar dias sem postar, esquecer qual texto estava pronto pra publicar, qual imagem usar, em qual categoria criar, ou, postar tudo de uma vez. Verdade é que ainda hoje é assim. Tem dias em que me inspiro e crio vários posts. Pode ser o dia todo, algumas horas, fotos, imagens, poemas, crônicas, rascunhos grosseiros de ideias brilhantes. Nestes dias, abro a aba Postagem Bysuzete, vou agendando e postando ideias e produções. Ou criando rascunhos (devidamente registrados). Sementes e frutos maduros começam a ganhar forma nas visualizações constantes nos dias que se seguem. Cada post é revisado – é impressionante como a gente erra nas minúcias, combina errado, esquece, repete e come letras – …. enfim, é preciso corrigir. Nestas correções, muitas vezes decido excluir fotos, imagens ou vídeos. Concluo que o post ficará de pé sem esses excessos ou complementos, considerados então, desnecessários. Mas é comum e ainda não descobri porque (aliás os porquês: sempre erro nos por que, porquê ou porque) imagens deletadas e excluídas aparecem no Facebook. Ou seja, no link do meu Face aparecem imagens que não necessariamente estão no post do meu blog. Foram consideradas demais, e por isso, cortadas. Só estou explicando o que tem acontecido com algumas imagens desconexas e perdidas entre o Face e o WordPress. Sim, originalmente elas estiveram lá. Um esconde, o outro mostra. Ato falho, lapso freudiano ou parapráxis do mundo virtual? Um mero problema de BIOS, óbvio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s